A nova ferramenta do Einstein e da Radsquare para exames de imagem mais eficientes

A startup Radsquare, incubada na Eretz.bio, em parceria com a equipe de imagem do Hospital Israelita Albert Einstein, está codesenvolvendo uma ferramenta inovadora e de alto impacto para o dia a dia dos departamentos de Imagem – um software para avaliação da qualidade de imagens de mamografia e tomossíntese. 

Quando a qualidade da imagem gerada pelos exames é considerada insuficiente para fazer o laudo médico, o software imediatamente vai emitir um alerta para o técnico de radiologia, recomendando que o exame seja refeito. Essa nova ferramenta terá o poder de executar mais de dez testes de adequação da imagem, sem qualquer interferência humana e em tempo real.

“O potencial de auxílio da nova ferramenta é muito grande”, explica Dr. Renato Leme de Moura Ribeiro, coordenador médico da área de Imagem do Hospital. “O posicionamento mamográfico é uma etapa fundamental na realização do exame de rastreamento do câncer de mama, e, não raro, há necessidade de se repetir alguma imagem por falha técnica.”

O software ainda passará por testes de validação, mas, segundo Dr. Renato, a expectativa é de que o esforço ajudará a diminuir a taxa de reconvocação de pacientes. Isso melhora a experiência e a satisfação do cliente quanto à qualidade do atendimento, além de contribuir para um uso mais eficiente de recursos, como o menor tempo de uso da sala, por exemplo.

A equipe pretende que o software ainda indique o motivo por que a qualidade da imagem foi considerada insuficiente, ajudando os profissionais a aperfeiçoar sua técnica e reduzindo, dessa maneira, erros humanos. “Alem disso, os dados armazenados poderão ser usados para treinamento da equipe técnica”, complementa o Dr. Renato.

Newsletter

Would you like to be updated on what happens in Eretz?